segunda-feira , 23 outubro 2017
Home / Notícias / TRF4 condena Ibama por multa indevida

TRF4 condena Ibama por multa indevida

palmitoO Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) foi condenado, nesta terça-feira (24/3), a pagar a indenização para reparar uma autuação indevida feita a uma empresa de Curitiba.  A decisão que manteve sentença é do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

A indústria paranaense havia sido multada por armazenar e vender palmito ilegalmente. Em uma ação deflagrada em dezembro de 2009, foram apreendidos cerca de 3800 quilos de palmito. No auto de infração, o Ibama apontou que a empresa não tinha licença para armazenar o produto. A operação contou com a participação da Polícia Federal.

A empresa declarou, em ação movida contra o instituto, que a comercialização não é condicionada à apresentação de nenhum tipo de autorização por se tratar de produto industrializado. Concluiu que não poderia responder à autuação por não ter cometido o delito e pediu indenização para pagar as perdas decorrentes da apreensão do produto.

O relator do processo, desembargador federal Cândido Alfredo Silva Leal Júnior, entendeu que “o palmito apreendido estava industrializado, não incidindo a norma pelo qual foi autuado”. Como o produto foi “imediatamente doado, cabe indenização ao autor por danos”, concluiu.

Fonte e imagem: http://www2.trf4.jus.br/trf4/controlador.php?acao=noticia_visualizar&id_noticia=10870 

Além disso, verifique

Direito-Ambiental-thumb-71

Breve comentário à Lei que estabelece o Produto Interno Verde – O que mudou nos parâmetros clássicos de desenvolvimento.

por Adalberto Arruda Silva Júnior. Entrou em vigor essa semana, dia 17 de outubro, a ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *