segunda-feira , 4 março 2024
Home / Julgados / TJMG: Poluição sonora de Pizzaria gera indenização por dano moral coletivo

TJMG: Poluição sonora de Pizzaria gera indenização por dano moral coletivo

Indenização devida por pizzaria é de R$ 5 mil por dano moral coletivo.

Em Ação Civil Pública ajuizada pelo Ministério Público contra pizzaria que utiliza música ao vivo, o TJMG acolheu o pedido e condenou o restaurante em dano moral coletivo.

Consequentemente, a condenação do restaurante também abrangeu a obrigatoriedade de se regularizar ambientalmente, observando prazo de 180 dias.

Além disso, segundo o relator, Des. Raimundo Messias Júnior, “o sossego público é um direito natural, devendo ser preservado por todos os cidadãos. Nesta perspectiva, a liberdade do exercício de atividades sociais, culturais ou econômicas deve ser restringida quando provada a perturbação à tranquilidade alheia.”

 

Na mesma linha, leia outras matérias do portal sobre poluição sonora:

https://direitoambiental.com/poluicao-sonora-de-oficina-mecanica-gera-indenizacao-a-vizinho/

https://direitoambiental.com/poluicao-sonora-justica-determina-que-empresa-reduza-emissao-de-ruido-em-estacao-de-tratamento-de-esgoto/

Além disso, verifique

A 6ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) reformou sentença para garantir que um réu, ainda incerto e não localizado, fosse obrigado tanto à reparação quanto à indenização por danos morais coletivos em razão do desmatamento de área protegida na Amazônia.

TRF1: Réu deverá pagar danos morais coletivos acima de R$ 120 mil por área desmatada na Amazônia

A 6ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) reformou sentença para garantir …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *