quinta-feira , 24 agosto 2017
Home / Notícias / Aprovada permissão para uso de telhado verde na Capital

Aprovada permissão para uso de telhado verde na Capital

20131216_164653A Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou na sessão desta quinta-feira (19/12) projeto de lei que altera o Código de Edificações da cidade (lei complementar 284/92), permitindo o uso de telhado verde sobre lajes e demais coberturas do último pavimento de prédios. Conforme o projeto, de autoria do vereador Marcelo Sgarbossa (PT), o telhado verde deverá ter vegetação natural extensiva e não configurará pavimento utilizável, reservada a área para circulação de acesso ao equipamento técnico.
 
"Entre as principais vantagens desse tipo de telhado estão: compensar parcialmente a área impermeável que foi ocupada no térreo da edificação; facilitar a drenagem; fornecer isolamento térmico e acústico; produzir um diferencial estético e ambiental na edificação; e ser um atrativo em potencial para pontos comerciais e turísticos. Trata-se, portanto, de uma alternativa sustentável e viável a ser instalada sobre lajes e telhados tradicionais", diz Sgarbossa. 
 
Segundo o autor do projeto, essa tendência está em grande crescimento em todo o mundo. "Com ajuda de lei que permite abatimentos em impostos, cidades como Nova Iorque e Chicago mais que dobraram a superfície verde de seus prédios, resultando em uma cobertura verde que soma 87,7 mil metros quadrados, ou 10% da área construída da cidade de Nova Iorque. Essa atitude está por toda Europa e chega agora ao Brasil", garante o vereador.
 
Texto e edição: Marco Aurélio Marocco (reg. prof. 6062

Além disso, verifique

post-artigo-thumb-3

A responsabilidade civil ambiental na sucessão entre empresas: a solidariedade e a obrigação propter rem

A obra  “A responsabilidade civil ambiental na sucessão entre empresas: a solidariedade e a obrigação ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *