terça-feira , 26 setembro 2017
Home / Notícias / Alemanha terá rodovia exclusiva para bikes

Alemanha terá rodovia exclusiva para bikes

Por Gabriel Felix

AutobanUma rodovia exclusiva para ciclistas, com 60 quilômetros de extensão, será construída em uma das regiões de tráfego mais intenso da Alemanha, que liga Dortmund a Duisburg, dois importantes centros industriais do país europeu. O projeto foi intitulado Radler B-1 e será implantado não só como alternativa de aliviar o trânsito no local, mas também como ferramenta de mitigação de gases poluentes na atmosfera.

A autoestrada construída para os ciclistas alemães deverá ser implantada paralelamente a um dos trechos mais movimentados da A40, uma das principais rodovias do país europeu. O objetivo é diminuir o alto índice de congestionamentos na pista, incentivando os habitantes a adotarem as bicicletas como principal meio de transporte até chegarem a seus locais de trabalho.

De acordo com o ministro Harry Voigtsberger, os custos do projeto ainda estão sendo estudados, mas a implantação da rodovia exclusiva para ciclistas deverá revolucionar o plano de transportes da Alemanha. Além disso, de acordo com o site Gizmodo, a previsão é que as obras estejam concluídas em 2021.

Além das pistas asfaltadas nos dois sentidos, a infraestrutura vai contar com um sistema de iluminação pública e uma barreira de proteção aos ciclistas. A Radler B-1 também não possuirá cruzamentos, a fim de aumentar a segurança de quem andar de bike na rodovia exclusiva.

Desde 2010, a rodovia A40 vem se transformando em área de lazer aos finais de semana. Segundo a agência de notícias alemã Deutsche Welle, o local fica aberto aos domingos para pedestres, e recebe diversos eventos esportivos e culturais, como campeonatos de ciclismo e apresentações musicais.

Na foto, trecho da Autobahn fechado aos domingos utilizado por ciclistas.

Fonte: CicloVivo

Além disso, verifique

Direito-Ambiental-thumb-88

TRF1 determina demolição de barragem construída irregularmente em área de preservação permanente na região da Serra da Canastra

“A 6ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) determinou que a barragem ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *